Vida Saudável

Exercício físico e Diabetes

Atividade diária

Ser ativo é importante para todos, mas é especialmente importante para manter a sua diabetes controlada e diminuir o risco de complicações.

Porque é importante para si ter uma atividade física regular

De acordo com a Federação Internacional da Diabetes, manter-se fisicamente ativo é uma componente importante de um estilo de vida saudável especialmente para pessoas com diabetes tipo 2. Aumentar a sua atividade para um nível de intensidade moderada e fazê-lo com regularidade pode:

  • Baixar a glicemia (açúcar no sangue), a tensão arterial e o colesterol
  • Reduzir o risco de doença cardíaca e enfarte
  • Aliviar o stress
  • Tornar mais fortes o seu coração, músculos e ossos
  • Ajudar a insulina no seu organismo a funcionar adequadamente
  • Melhorar a sua circulação sanguínea
  • Manter as suas articulações flexíveis
  • Ajudá-lo a perder peso (quando combinada com uma alimentação saudável)

Pode começar a sentir algumas destas vantagens mesmo que não tenha sido uma pessoa particularmente ativa anteriormente. Consulte o seu médico antes de iniciar um programa de exercício físico ou antes de introduzir nele grandes alterações.

Obstáculos à atividade física

Um programa de boa forma física bem sucedido começa com o desejo de se tornar fisicamente mais ativo. No entanto, mesmo que reconheça as vantagens de iniciar um regime de boa forma física, podem haver barreiras, reais ou imaginadas, que podem desencorajá-lo de o fazer.

Se se sente desencorajado, pare e pense sobre o que o impede de se tornar tão ativo como desejaria. Peça apoio e ajuda à família e aos amigos e tente elaborar um programa de exercício físico que considere que pode cumprir. Pode ainda pedir alguma orientação ao seu médico sobre como pode começar a aumentar os seus níveis de atividade física.

Começar

Felizmente, passar a ser mais ativo fisicamente não significa necessariamente exercícios difíceis e sessões prolongadas. Aqui estão algumas ideias para se tornar ativo facilmente:

  • Caminhar com rapidez
    Isto pode ser facilmente incorporado na sua rotina diária, aumentando o ritmo do seu passo habitual e substituindo quaisquer viagens de carro desnecessárias. Também pode considerar acompanhar um amigo numa caminhada ou inscrever-se num clube local com essa modalidade.
  • Contar os seus passos
    Se se decidir pela caminhada, um pedómetro pode ser um bom instrumento de motivação. Utilize-o para registar o seu número médio de passos e estabelecer o objetivo de aumentar todos os dias o total.
  • Andar de bicicleta
    Em alternativa a andar de carro ou de transportes públicos, experimente ir para o emprego de bicicleta ou para qualquer outro destino.
  • Limpar a casa
    Tarefas domésticas como limpar o pó, aspirar e passar a ferro contam para os seus níveis de atividade física diários.
  • Atividade no jardim
    Cavar, regar ou cortar relva são tarefas que mantêm os seus níveis de atividade, ao mesmo tempo que está a fazer algo de que gosta.
  • Passear o cão
    Um cão também pode ser um grande incentivo uma vez que este vai estar sempre ansioso pelo seu exercício diário, impedindo-o assim de cancelar os seus passeios diários.

Quando se sentir confortável e confiante com o seu novo estilo de vida ativo, pode pensar em aumentar os níveis de atividade, considerando pôr em prática algumas das seguintes sugestões:

  • Inscrever-se num ginásio
  • Ter lições de dança
  • Correr ou nadar, independentemente ou integrado num clube
  • Começar a praticar um desporto de que goste, como por exemplo, o ténis
  • Experimentar algo diferente, como hidroginástica ou ioga
  • Reservar tempo para incluir outras atividades de que goste, como montanhismo ou golfe

Lembre-se sempre de discutir primeiro com o seu médico os seus planos de atividade física.

DIAB-1101272-0060 04/2017