Controlo da diabetes

Diabetes e o Verão

Diabetes e o Verão

Com o verão vem o sol, o bom tempo e as temperaturas elevadas.
Para usufruir desta estação em segurança, com saúde e bem-estar, é importante adotar alguns cuidados nas várias áreas de tratamento da diabetes, nomeadamente:

MEDICAÇÃO:

  • O tratamento da diabetes pode ser realizado com medicação oral (comprimidos) e /ou insulina. Em ambas as situações, é conveniente não deixar a medicação em locais com exposição directa ao sol ou que possam aquecer demasiado, como por exemplo no porta-luvas do carro ou em local de exposição direta ao sol.
  • A insulina, quando está a ser utilizada, deve ser conservada a temperaturas inferiores a 25-30ºC. Se a temperatura ambiente estiver mais elevada, pode ser necessário colocá-la numa mala/bolsa térmica refrigerada. Não utilize a insulina se o líquido apresentar alterações da coloração ou partículas em solução.

NOTA: Evitar a administração da insulina nas zonas do corpo que estejam frequentemente expostas ao sol, uma vez que a velocidade de absorção aumenta.

ALIMENTAÇÃO:

Faça uma alimentação equilibrada e fracionada, com refeições leves e variadas. Ingira diariamente 1,5 l a 2 l de líquidos, preferencialmente água. Reforce a sua ingestão se a temperatura for elevada ou no caso de realizar atividade física que o faça transpirar. Evite as bebidas alcoólicas e com elevado teor de açúcar.

ATIVIDADE FISICA:

O bom tempo convida a realização de atividade física. No entanto, se o tempo é de calor, opte por ambientes frescos, ao amanhecer ou ao anoitecer para a sua realização, mantendo sempre a ingestão frequente de líquidos. Se a prática de exercício físico for ao ar livre, recomenda-se a utilização de chapéu, óculos e protetor solar, em todas as áreas expostas ao sol.

Para a escolha da atividade, sua intensidade e duração, é importante o aconselhamento com a equipa de saúde. O exercício deve ser ajustado às capacidades, características e objetivos individuais e terapêuticos da pessoa.

Tenha em atenção que nas atividades mais prolongadas poderá ser necessário o ajuste da medicação e da alimentação.

Para sua segurança é importante que faça a pesquisa da glicemia (açúcar no sangue) antes e no final da atividade física e sempre que considere necessário. Evite a prática de exercício físico no caso de hipoglicemia (baixa de açúcar com valor inferior a 70 mg/dl) ou se a sua glicemia for de valor superior a 200 mg/dl.

Recomenda-se também uma proteção dos pés, utilizando calçado confortável e adaptado ao pé. As meias preferencialmente devem ser de fibra natural, por exemplo de algodão.

Na praia proteja os pés de forma a não se magoar. Se a sensibilidade nos pés estiver diminuída é desaconselhado andar descalço.

AUTO-VIGILÂNCIA e AUTO-CONTROLO

O calor pode afetar o bom funcionamento dos aparelhos de medição da glucose (açúcar no sangue). Evite deixar os materiais em ambientes com temperaturas elevadas.

Com as temperaturas mais elevadas podem ocorrer oscilações das glicemias, podendo ser necessário ajustar a medicação e aumentar a frequência da realização das pesquisas de açúcar no sangue. Em caso de dúvidas contacte a equipa de saúde.


Bibliografia:


DIAB-1101272-0055 05/2015

X
X
X
X
X